09
jun

Homens traem mais e perdoam menos, diz pesquisa

O que conta mais nos relacionamentos, personalidade ou beleza? Segundo uma pesquisa realizada em Porto Alegre, pela Rohde&Carvalho, a preferência é a personalidade, ainda mais quando o assunto é o amor.

A pesquisa foi feita com 400 pessoas em ruas e shoppings centers da capital gaúcha e 85% das mulheres e 77,2% dos homens afirmaram que caráter e originalidade são as coisas mais importantes na hora de escolher o parceiro. Os atributos físicos são mais importantes para eles (16,1%) do que para elas (9,6%).

A palavra-chave para um relacionamento de sucesso é o amor (com 24,5% das indicações), mas outras palavras também apareceram na lista, tais como respeito, companheirismo, paciência, compreensão, confiança, amizade, carinho, parceria, fidelidade, tolerância, sinceridade, tesão e cumplicidade.

E onde a traição entra nisso tudo? Entre os motivos que levariam ao término da relação, a traição é o mais citado por 87,7% das mulheres e 90% dos homens. A pesquisa mostra que as pessoas gostam de parceiros companheiros e cúmplices, pois a falta de companheirismo ocupou o segundo lugar (68,6% das mulheres e 61,7% dos homens), seguido por sexo insatisfatório (23,6% das mulheres e 43,9% dos homens). Outros fatores que fazem a relação esfriar são ciúme, problemas com dinheiro, com a família do parceiro, mentira, falta de confiança, de respeito, violência e desonestidade.

Segundo a pesquisa, deu um empate entre as opiniões femininas e masculinas – 64,4% das duas amostragens mostraram-se a favor de as mulheres tomarem a iniciativa na hora da conquista. Os homens são os mais favoráveis a dividir a conta (44,4% contra 41,3% das mulheres) e também os que mais admitiram já terem traído (50% contra 31,7% das mulheres).

*Imagens: reprodução

comente
Compartilhe este post


Seja o primeiro a comentar!!!

Faça um comentário

Moderno

 

Old School

Rua Dr. Florêncio Ygartua, 188 - Térreo
Moinhos de Vento - CEP 90430-010
Porto Alegre / RS
Brasil

(51) 3072 6875

(51) 3028 8266

©Mauren Motta por Aldeia