14
jan

O USO DAS CORES VISCERAIS DE STANLEY KUBRICK

Um dos cineastas mais importantes de todos os tempos, Stanley Kubrick traz uma carga fervorosa de cores em seus filmes. Com uma filmografia recheada de temáticas fortes, a liberdade que Stanley tinha para criar os personagens e as ações em seus filmes chocaram os mais conservadores, gerando muitos debates e censura.

Porém, sua maturidade, perfeccionismo, realismo e o toque de ironia que aplicava em todos os aspectos de sua obra, o transformaram em uma lenda do cinema, capaz de proporcionar uma experiência verdadeira e envolvente ao espectador.

As entrelinhas que preenchem seus filmes são construídas em cima de uma linguagem não verbal, utilizando as cores em favor da particularidade de cada cena, mood e tipos de tensão.

O vermelho é a cor mais presente, representando o sangue, a ação, os cenários, figurino, sexo, loucura, tecnologia, cenas dramáticas. Componentes que representam seu estilo cinematográfico irreconhecível.

O azul é utilizado em cenas de emoção, tensão, suspense. A psicologia da cor azul aplicada nos filmes traz sensações de frieza, reflexão e calma.

O amarelo aparece em eventos de celebração, externas, mood e decoração, criando um aspecto estimulante e marcante nas cenas.

A cor rosa está no figurino feminino e decoração quebrando a tensão da narrativa.

O laranja é presente em cenas de natureza e ambientação de cenários. Fato curioso: o laranja geralmente é usado em decoração de cozinhas pois abre o apetite. Não é diferente no filme Laranja Mecânica, onde a cena da família se torna mais memorável por estar em um ambiente excêntrico e chamativo onde fazem suas refeições.

O verde aparece muito em tomadas externas, figuras militares e decoração em tons frios.

Preto e Branco: cenas clássicas e memoráveis. Pelo fato de branco ser a junção de todas as cores e o preto a ausência, juntos criam contraste que quebram com as cores vibrantes que são presentes em sua identidade visual.

Marc Anthony Figueras traz em uma compilação de cenas com simbolismo das cores utilizadas nos filmes de Stanley Kubrick, percebemos com mais clareza sua assinatura estética.

Veja o vídeo aqui!

Por Morgana Ludwig.

 

comente
Compartilhe este post


Seja o primeiro a comentar!!!

Faça um comentário

Moderno

 

Old School

Rua Dr. Florêncio Ygartua, 188 - Térreo
Moinhos de Vento - CEP 90430-010
Porto Alegre / RS
Brasil

(51) 3072 6875

(51) 3028 8266

©Mauren Motta por Aldeia